sabor da cidade

RECEITAS
bolos
doces
salgados
lanches
molhos
churrasco
saladas
vegetarianas
peixes
sorvete
bebidas
minha receita

 
 
NOTÍCIAS


 
  

    HOME>>EDITORIAS>> NOTÍCIAS
Mais frutas e grãos
Crianças e adolescentes não podem trocar almoço ou jantar por lanche
Crianças e adolescentes não podem trocar almoço ou jantar por lanche
Crianças não podem pular refeições e lanchar entre café da manhã e almoço e entre almoço e jantar, além de um outro lanche antes de dormir


08/01/2015  

O Novo Guia Alimentar para a População Brasileira, do Ministério da Saúde, disponibiliza uma série de dicas para crianças e adolescentes em fase de crescimento. Segundo o documento, este grupo precisa fazer pequenas refeições ao longo do dia, além do café da manhã, almoço e jantar, que são as refeições principais. Isso porque, durante a fase de crescimento, o corpo precisa de mais nutrientes para se desenvolver bem.
Para fazer refeições pequenas saudáveis, a recomendação do Ministério da Saúde é incluir nos lanches diários frutas e grãos, evitar excesso de doces e salgados, refrigerantes, balas, e nunca trocar o almoço ou o jantar por um lanche.
O coordenador geral de nutrição e alimentação do Ministério da Saúde, Eduardo Fernandes, explica explica ser importante que a criança e o adolescente lanche entre o café da manhã e o almoço, entre o almoço e o jantar e mesmo antes de dormir. "No caso quando se está falando sobre as crianças em fase de crescimento é porque naturalmente aumenta a necessidade energética, dos nutrientes, e por isso precisa ter a dieta", explicou.
A aposentada de 69 anos, Maria Correntina Pereira, tem dois netos: um de 8 anos e outro de 11. Ela conta que os meninos gostam muito de verduras e frutas e sempre lancham na hora correta durante os intervalos das refeições principais do dia. "Já os meus aqui tomam café cedo, comem verdura, comem fruta, banana, maçã e são apaixonados por queijo, se alimentam bem. Durante o dia eles lancham de duas em duas horas e eles comem a quantidade certinha."
Eduardo Fernandes destaca ainda como deve ser feito cada lanche nos intervalos das refeições. "Se deve educar a criança para ela acompanhar as refeições da família, mas também ter uma regularidade na alimentação já incluindo os lanches entre as refeições. Por exemplo, entre o café da manhã e o almoço, um lanche, entre o almoço e o jantar, outro lanche, totalizando normalmente até 6 a 7 refeições", disse.
Substituir refeições saudáveis, pular as refeições ou comer muito numa única refeição prejudica a alimentação e também aumenta o risco de a criança e o adolescente engordarem e ficarem acima do peso.

 

Fonte - Portal Brasil
Foto - Secretaria de Estado da Educação (SP)/Divulgação

 
 

 

 Receitas Similares:


MAIS ACESSADAS
Entrevero no arado fica delicioso
Cuidado com as calorias do prato feito
Burger King lança Rebel Whopper, seu novo lanche vegetariano
Lata do Leite Moça muda 16 vezes desde 1921
Hoje é dia do pão de queijo, delícia a qualquer hora
Sodiê dá desconto no bolo Gelado de Abacaxi em outubro
Piracanjuba lança creme de leite e leite condensado zero lactose
Crianças e adolescentes não podem trocar almoço ou jantar por lanche
18 de maio é o Dia Nacional da Coxinha. Veja receita desta delícia
Del Valle entra no segmento 100% suco, sem corante e conservante
Que tal uma coxinha com o osso da coxa do frango?
Kibon lança a linha Seleções Gelato em quatro sabores
Delicioso arroz de braga surgiu em Santos. Veja como fazer

SABOR DA CIDADE

Contato
Telefone (15) 9-9113-2823
Email: redacao@sabordacidade.com.br

  


icone
REDES SOCIAIS
FACEBOOK